Clique aqui e veja as últimas notícias!

IGUALDADE

Entenda o porquê presença de mulheres na CPI gera indignação de senadores

Segundo a líder da bancada feminina no Senado, Simone Tebet (MDB), a representação delas no colegiado “não é privilégio, mas sim prerrogativa”
06/05/2021 00:02 - Flávio Veras

Alguns senadores, que compõem a CPI da Covid do Senado, estão descontentes com a decisão do presidente do colegiado, Omar Aziz (PSD), em conceder uma cadeira à bancada feminina da Casa de Leis, liderada pela senadora Simone Tebtet (MDB).  

Além disso, Aziz concedeu ao bloco feminino a prerrogativa de fazer a primeira pergunta, após as indagações do relator da comissão, Renan Calheiros (MDB).  

Esse gesto, gerou revolta de alguns senadores, principalmente do senador e aliado do presidente Jair Bolsonaro (PP-PI), que tentou interromper a pergunta da senadora Eliziane Gama (Cidadania-MA).  

Ainda não acabou... Assine o Correio do Estado para continuar lendo essa notícia

Apóie o jornalismo sério, que tem compromisso com a verdade e com a entrega de conteúdo relevante para você todos os dias.
Apenas R$ 9,90 por mês.

Quero Assinar

Já é assinante? Faça login clicando aqui