Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

SAÚDE

Pele precisa de cuidados no inverno mesmo com isolamento

Mesmo com o clima frio e dentro de casa, dermatologista indica o uso de protetor solar e hidratante
29/06/2020 07:00 - Naiane Mesquita


Durante o inverno, as mudanças de temperatura e o clima nublado pode enganar sobre os efeitos negativos da alta exposição aos raios solares. Mas, de acordo com a dermatologista Cristina Katayama, alguns itens básicos devem ser mantidos na rotina diária de cuidado com a pele, como o protetor solar e o hidratante. “Oriento que o protetor solar seja passado ao acordar, independente do clima ou da presença ou não de raios solares, pois queimadura pode ocorrer até com mormaço. A concentração de UVB é maior entre 10 e 16 horas, mas durante o dia todo temos emissão de raios UVA, cujo comprimento de onda atinge a profundidade da pele”, explica a médica dermatologista.  

O protetor deve ser um item primordial até mesmo para quem está cumprindo o home office - trabalho em casa - e passa longos períodos em frente ao computador ou sob a luz das lâmpadas artificiais. “O ideal é que as pessoas passem o protetor solar mesmo dentro de casa. A luz dos aparelhos não causa queimaduras ou o envelhecimento da pele na mesma proporção dos raios solares, mas também há influência. O ideal é passar o protetor logo que acorda independente do clima e do ambiente”, ressalta.  

Além do protetor solar, a hidratação é ideal para manter a pele saudável. De acordo com a Sociedade Brasileira de Dermatologia, uma boa hidratação auxilia na manutenção do viço e da beleza, além de manter a integridade da camada de proteção cutânea e evitar problemas como descamação, ressecamento, envelhecimento precoce, irritações e infecções.

Esse processo de hidratação deve ser interno, com a ingestão de água - no mínimo 2 litros diários - e por fora, com o uso de hidratantes específicos para o rosto e lábios.  

Outro ponto é evitar os banhos muito quentes - comuns no inverno - porque eles podem alterar a saúde da pele.

“Lip balms para os lábios são úteis para todos os horários, e hidratante corporais com maior poder de hidratação também ajudam muito. É importante não abusar de banhos extremamente quentes, usar umidificador de ambiente quando possível e hidratar o rosto com um produto específico para seu tipo de pele”, exemplifica a dermatologista.

Mesmo para as peles oleosas, o hidratante é um item essencial. “As pessoas que tem pele oleosa não podem utilizar o mesmo produto que todos usam devido a possibilidade do aparecimento de acnes. Também durante o  inverno é necessário observar se a pele precisa de outros cuidados, como tonificar, e até o tipo de protetor solar. Em todos esses casos, o ideal  é a orientação de um médico dermatologista”, frisa.  

 
 

Exercícios

Com a pandemia do novo coronavírus, os exercícios ao ar livre, como corridas e caminhadas, tem sido uma opção para quem não deseja se arriscar nas academias.  

A corredora Gisele Bittencourt se prepara para uma prova na cidade de Bonito, e explica que devido as mudanças no clima, precisa redobrar os cuidados ao sair de casa. “Me preparo com protetor solar sempre, coloco uma manguinha com proteção UV e um lenço ou bandana que proteja as orelhas do vento, o que ajuda bastante a não ficar resfriada”, conta Gisele.  

Segundo a dermatologista, quem opta pelo esporte ao ar livre precisa ter em mente que o clima pode mudar. “Nem sempre o atleta sabe como o clima ficará, uma hora pode estar nublado e de repente o sol pode ficar forte. Você pode planejar realizar um treino de 1h, mas por diversos motivos, a prática pode demorar mais. O ideal é sempre proteger a pele do sol e do frio”, indica.  

Entre as dicas para este caso estão lavar o rosto e as narinas com um pano úmido, para facilitar a respiração, e utilizar cremes reparadores em locais como: orifícios nasais, lábios e ao redor da boca e na região das bochechas, evitando queimaduras pelo frio.  

Acessórios que fazem proteção física também são bem-vindos, como viseiras, óculos de sol, bonés e roupas mais fechadas.

 
 

Dicas para manter a pele hidratada

  • Beber no mínimo dois litros de água por dia.
  • Evitar banhos quentes e muito demorados;
  • Evitar se ensaboar demais e usar buchas, que também contribuem para alterar a composição do manto hidrolipídico (hidratante natural produzido pelo organismo) que protege a pele.
  • Usar o hidratante logo após sair do box – ainda no banheiro – com aquele vaporzinho pós-banho, que ajuda na penetração do creme.
  • Para peles oleosas, e acneicas, evitar hidratante comum no rosto, usar oil free nas áreas de maior oleosidade (rosto e tórax).
  • Os lábios também costumam ressecar muito no inverno. É importante usar hidratantes específicos para essa região e, assim, evitar rachaduras.
  • Usar filtro solar diariamente.

Fonte: Sociedade Brasileira de Dermatologia

 

Felpuda


Mensagens trocadas por aí mostram que deverá “virar moda” políticos anunciarem que testaram positivo para a Covid-19. E sem medo de dizer que isso é porque o presidente Jair Bolsonaro anunciou ter sido infectado, e aí essa tchurminha estaria interessada também em ganhar holofotes. Porém, ressaltam que, como não se pode duvidar de coisa séria, o jeito é desejar “restabelecimento”. E não deixam de lembrar que o risco é a população descobrir que não fazem a menor falta. Essa gente...