Clique aqui e veja as últimas notícias!

COVID-19

Ministério da Saúde adotará intervalo de três meses entre 1ª e 2ª dose da vacina da Pfizer

Ao justificar a decisão pelo intervalo de três meses, a pasta disse que seguiu estudos feitos em outros países
03/05/2021 23:00 - FOLHAPRESS


O Ministério da Saúde decidiu recomendar o intervalo de 12 semanas (três meses) entre a 1ª e a 2ª doses da vacina da Pfizer contra a Covid-19, que começou a ser distribuída no país nesta segunda-feira (3).

A medida consta de informe técnico da pasta com orientações a estados e municípios. O prazo segue modelo adotado no Reino Unido, primeira nação a utilizar a vacina da Pfizer em sua população.

Ao justificar a decisão pelo intervalo de três meses, a pasta disse que seguiu estudos feitos em outros países, como Israel, Estados Unidos e Reino Unido, que apontaram mais de 80% de efetividade após dose única.

Últimas notícias